Congresso Internacional de Aromatologia

2º Congresso Internacional de Aromatologia – Um Resumo

A equipe Fefa Pimenta Natural esteve no 2o. Congresso Internacional de Aromatologia nos dias 18 e 19/03/16 e no 1o. Congresso Internacional de Medicina Complementar Integrativa, que aconteceu na sequência, dia 20/03/16.

Na mesma ocasião, participamos dos Cursos: Uma Chave Universal para a Aplicação de Óleos Essenciais e A Correspondência entre Óleos Essenciais, Cores e Tons, ministrados por Dietrich Gümbel, a presença mais aguardada do evento.

Foi um período delicioso de encontros e de uma imersão extraordinária de estudos É enriquecedor dividir experiências com diversos profissionais e sentir de perto cada projeto sendo desenvolvido.

E como trata-se de uma área em constante desenvolvimento, um momento pontual como esse é muito importante, é quando temos um mapeamento do que acontece atualmente e tentamos juntos vislumbrar novos caminhos.

Foi um privilégio assistir as palestras maravilhosas e não pretendo esgotar o tema nesse post, mas apenas resumir algumas impressões dessa experiência tão rica, vivida durante esses dias.

No primeiro dia de evento, fomos presenteados com a palestra de Damião Pergentino de Souza, que abordou os aspectos químicos e farmacológicos da bioatividade dos óleos essenciais com um olhar mais químico-farmacológico, já que é um profissional e pesquisador da área de Farmácia.

O Dr. Afrânio Aragão destacou a regulamentação de fitoterápicos no Brasil e o tema de sua palestra foi sobre os princípios voláteis ativos de plantas medicinais brasileiras. Foi um momento que, particularmente, emocionou pois passamos por temas como os óleos essenciais do nordeste, farmácia viva, constituintes químicos ativos e propriedades biológicas de plantas medicinais brasileiras, bem como o desenvolvimento de fitoterápicos a partir de óleos essenciais.

Durante a palestra de Vishwa, proprietária da marca Terra Flor Aromaterapia, fomos transportados para o mundo da parceria molecular e a inteligência dos óleos essenciais enquanto metabolismo secundário das plantas.

A palestra de Marcela Machado, foi sobre segurança quanto ao uso de óleos essenciais e a toxicidade, sempre com base em estudos e dados de pesquisas científicas.

A Dra. Adriana Wolffenbütel, que teve seu livro relançado pela Editora Laszlo durante o evento, dividindo seus conhecimentos baseados em estudos com os óleos essenciais de laranja (amarga e doce).

No segundo dia, Dr. Jair, veterinário, demonstrou como a aromaterapia pode ajudar em tratamentos de transtorno de comportamento em cães. Em seguida, Sâmia Maluf dividiu sua experiência profissional como aromaterapeuta e psicóloga quanto a tratamentos de síndrome de adaptação e destacou a ressonância que ocorre entre Reino Animal e Reino Vegetal.

O aromaterapeuta André Ferraz explicou como pode ser importante conciliar o uso de óleos essenciais durante a gestação, como também no parto e pós-parto, sempre com segurança mas privilegiando a saúde e o bem-estar da mamãe e o bebê e também o laço afetivo que é criado entre ambos.

Na sequência, a Dra. Regina Manzochi, demonstrou como pode ser eficiente o uso de óleos essenciais na Odontologia, como complemento para tratamentos em diversos casos de periodontia.

Os óleos essenciais podem ser usados para o controle de doenças de plantas e foi esse o tema da palestra de Eduardo Alves. Uma alternativa que precisa ser a cada dia mais implementada para darmos fins a tantos produtos químicos em nossos alimentos.

E como encerramento desse dia, a palestra mais aguardada foi a de Gümbel sobre o efeito da relação homem e planta através dos óleos essenciais, bem como o lançamento da sua obra – Os Fundamentos da Terapia Holística com Óleos essenciais da Plantas – traduzido por Ane Walsh e lançado pela Editora Laszlo.

O evento contou, ainda, com as palestras sobre o assunto de Medicina Complementar, com o Dr. Mark Sircus que explicou a importância da ingestão de cloreto de magnésio em nossa rotina diária, bem como fez uma pequena exposição sobre remédios emergenciais caseiros, incluindo um velho conhecido, o bicarbonato de sódio.

O Dr. Emerson Godoi falou a respeito do parto humanizado, suas implicações e sua visão como médico ginecologista acerca desse tema e prática. O tema polêmico ficou por conta do Dr. Elisaldo Carlini, um mestre que dividiu em uma explicação técnica, divertida e objetiva seus conhecimentos e pesquisas sobre o uso medicinal da Cannabis. E não ficamos por aí: teve palestra vivencial com meditação de Ailla Pacheco, uma aula sobre permeabilidade intestinal e intolerância alimentar com a nutricionista Silvana Portugal (onde analisamos, dentre outras coisas, a importância de observarmos o nosso cocô, isso mesmo, ele pode dar diversas pistas de como está o nosso organismo e nossa saúde, viu?) e ainda contamos com a exposição de Eliane Assis sobre a Política Nacional de Práticas Complementares.

Tudo isso com um coquetel delicioso e mineirinho para encerrar os trabalhos.

Durante o evento, Fabian Laszlo nos presenteou com uma surpresa, deixo com suas palavras (trecho da carta de abertura do Congresso):

Gostaríamos de trazer a todos uma grande surpresa, que é a Criação de um dia para algo que plantas e genes já dão a devida importância. O Dia Nacional da Aromatologia e Aromaterapia no Brasil.

Inúmeras datas foram pensadas, imaginadas e propostas. Mas nenhuma delas seria mais coerente com nossa história, do que a data de nascimento do homem que nos permitiu estar todos reunidos aqui para o estudo deste assunto. René Maurice Gattefossé nasceu em Lyon na França, em 19 de dezembro de 1881, sendo este dia de dezembro a data comemorativa escolhida para homenagear sua maior paixão em vida, os óleos essenciais.

Esta data terá o objetivo de lembrar sempre a todos a importância da poesia do perfume das flores, ou o bem-estar do aroma da folha das árvores. Mas mais do que isso, é uma data comemorativa para aromaterapeutas, aromatólogos, perfumistas, e todos aqueles que estudam os cheiros. Uma data para existirem comemorações, promoções e eventos na área em todo o país, antecedendo o natal, que virá sempre mais perfumado a cada ano.

Assim, aqueles que ainda não contribuíram com sua assinatura, pedimos que a conceda em prol da criação desta data, a qual termos a ajuda do Deputado Federal Giovani Cherini, atualmente o maior defensor das práticas holísticas e da medicina complementar e integrativa em nosso país, que levará nossa petição até o congresso nacional”. (Leia a carta de abertura, autoria de Fabian Laszlo na íntegra Aqui ).

É mais um passo para a Aromatologia/Aromaterapia e certamente um passo para que a cada dia se fixe com ciência real, viva e séria e ganhe a cada dia mais espaço em nosso país. O prazo para as assinaturas é até dia 01/06/16, veja Aqui .

E o 2o Congresso teve uma novidade: palestras online, para quem participou presencialmente, mas também para quem não poderia ir a BH. E as palestras presenciais foram filmadas, para que sejam assistidas em casa.

A Fefa Pimenta (pessoa) está presente como palestrante online com o tema: A Beleza mais Verde – o uso dos óleos essenciais em cosméticos e sabonetes naturais, foi uma honra fazer parte do time de palestrantes online.

E tem a cobertura do Programa Paulo Navarro – tem participação também de Fefa Pimenta! Assista o vídeo mais abaixo.

Enfim, fazer parte de um evento como esse foi uma oportunidade enriquecedora.

Agradecimentos e abraços apertados a todos da Laszlo Aromaterapia (adorei conhecer toda a equipe, vocês são maravilhosos, e beijos de gerânio em Ligia – pela paciência e nos queridos Rubens e Bárbara – ah, esses dois lidam diretamente com a gente – vocês são dez!), ao IBRA (Instituto Brasileiro de Aromaterapia) e também a Koscky Produções que organizou minunciosamente cada etapa do evento e com uma recepção calorosa, mineira, repleta de cuidados com todos os detalhes.

Beijos de lavanda em todos que encontrei, aromaterapeutas, professores, as lindas artesãs de cosméticos naturais, enfim, a todos que pude trocar conversas deliciosas e sorrisos que guardei no coração.

Voltamos ao Rio de Janeiro renovados, encantados com Belo Horizonte (quanto calor humano!) e com a certeza que o tratamento complementar dos óleos essenciais tende a crescer muito em nosso país.

ps.: Ficamos para os cursos com o Gümbel, mas esse é um assunto para outro momento (cenas dos próximos capítulos).

Leia mais:

Carta de Abertura do II Congresso de Aromatologia – Supasoap

Como foi o II Congresso de Aromatologia (parte I) – Casa May

Voltando do II Congresso de Aromatologia (parte I) – Supasoap

Congresso de Aromatologia – Como foi – Parte I – Pria

Programa Paulo Navarro

Fotos

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *